"...who'd have known, when you flash upon my phone i no longer feel alone"

- Lily Allen

BitchyList

sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

#NewAlbumFriday

Tirei a tarde de hoje para ouvir uma série de álbuns lançados em 2009, mas que negligenciei ao longo do ano. Alguns acabaram de vazar/ser lançados, outros eu simplesmente optei por ignorar mesmo.


- "Malice N Wonderland" de Snoop Dogg: ÓÓÓÓÓtimo Hip-Hop! Mesmo que ele não faça nada [nada mesmo!] de genial como Jay-Z e/ou Kanye West, suas canções com bases de R&B prontos pra pista são bem divertidos. Note o ótimo trocadilho do título do álbum, além da genial capa

Palavra-Chave: divertido.
Destaque: Different Languages [featuring Jazmine Sullivan], Gangsta Luv [featuring The-Dream], Special [featuring Brandy & Pharrell]
Para: quem gosta de Hip-Hop descompromissado.


- "Wait For Me" de Moby: olha, Moby é um cara que eu sempre evito opinar porque comigo é sempre love it or leave it com ele. Eu adoro algumas coisas, como Early Mornin' - de Britney Spears - e... só, que eu me lembre. Mas como ele é sempre bombado tanto como artista, quanto como produtor, eu fico na dúvida em dizer o que realmente penso. Mas, okay, baixei seu último lançamento solo e putz: BORING! A faixa-intro Division é bem bonita de forma promissora, mas ao longo do álbum tudo sua chato e linear [no mau sentido]: aqueles arranjos de orquestra misturados a uma programação eletrônica aqui/acolá e vocais de cantoras góspel - tããão anos 90! B-O-R-I-N-G!

Palavra-Chave: #MobyIsDead
Para: intelecto-chatos que dizem gostar de Pop e Electronica. Ou donos de loja de decoração que precisam de música para espantar clientes preencher espaço.


- "IRM" de Charlotte Gainsbourg: sempre achei o 5:55 indie demais pra minha paciência, tipo Camille, que todo mundo diz que é Björk, mas no fundo só é chata mesmo. Mas "IRM" é muito bom desde o começo ao fim: mantém a característica indie, mas dá para escutar sem bocejar. Sem contar que o carisma de Gainsbourg aqui é bem mais evidente, especialmente nas últimas faixas mais rockers.

Palavras-Chave: françês, indie-mas-legal
Destaques: Master's Hand, In The End, Me And Jane Doe
Para: acordar depois de uma noite de sexo selvagem e tomar café com o namorado, enquanto se prepara para a rodada matinal.


- "I Dreamed A Dream" de Susan Boyle: The Boyle é DEMAIS! Okay, não... mas sim! A voz dela é linda, apesar do hype insuportável que a mídia tem feito ao redor dela pelo fato de ela fugir do padrão de beleza da indústria. Mas bem ridículo de seus defensores a defenderem por isso. Mas enfim, polêmicas aparte, Susan Boyle tem tudo para ser a próxima Celine Dion, só falta uma música na trilha de um épico blockbuster e ganhador de mil Oscars.

Palavras-Chave: não-lucas-ela-não-tem-síndrome-de-down
Destaques: Wild Horses [ótima abertura], The End Of the World, You'll See [Madonna né benhê!]
Para: beeshas loucas pela nova Celine Dion/Barbra Streisand. Ou o presente de Natal perfeito para sua mãe.


- "For Your Entertainment" de Adam Lambert: por que todo ano tem sempre um American Idol que todo mundo ama, mas que no fundo não tem nada de especial? Okay, vamos aos pontos da minha depreciação a esse Lambert: a) essa capa é HORRÍVEL! Parece uma paródia do filme Manequim dos anos 1980; b) com tanto viado mais interessante nessa vida minha gente, please me digam o que esse cara apresenta de interessante; c) esse álbum é ruim mesmo e pronto; pseudo-Darkness, pseudo-Freddy Mercury - aliás comparar essa criatura a Freddy é uma AFRONTA MORAL! Por fim, a americanada se chocou com a performance no American Music Awards, mas eu sempre digo, no dia que Adam Lambert fizer algo parecido com isso eu penso em respeitá-lo:



Palavras-Chave: viadagem, irritante
Destaques-da-ruindade: If I Had You, Music Again, Sure Fire Winners
Para: emóides que querem ser cool.

[To Be Continued...]

Um comentário:

Jose disse...

Is bocejar to yawn?
Because if so I agree about IRM, I love how it should make you fall asleep instantly in theory (Indie whispery french singing from an actress? zzzzz)
But it's so wonderful.
If it doesn't mean yawn then feel free to ignore me u.u